A proporção do número de carros para o número de pessoas no Brasil cresceu muito, isso se deve a necessidade de locomoção rápida que as rotinas exigem.

Quem tem carro sabe que os cuidados com o veículo são vários, constante revisão, troca de pneus, ajustes no motor, entre outros que deixam os motoristas em alerta.

Mas um cuidado que pode passar batido pelos proprietários é a pintura do carro. A pintura influencia totalmente na estética do veículo e na valorização na hora da venda.

Por isso, separamos algumas dicas importantes para você garantir que a pintura não seja danificada. Confira:

Como proteger a pintura do carro?

Existem alguns fatores que implicam na preservação da pintura do veículo, veja a seguir dicas para diminuir as chances de danificação.

1- Não deixe o veículo exposto ao tempo

Vivemos em um país tropical, onde as mudanças no tempo são constantes. Um dia está um sol super forte, no outro pode até chover granizo.

Por isso, um dos principais cuidados com o carro que o proprietário deve ter é de protegê-lo contra esses fenômenos.

Isso porque, a exposição por longo tempo ao sol ou a chuva podem danificar a pintura. O problema não fica apenas na pintura, mas também nos furos e riscos que podem ser causados caso ocorra uma chuva de pedra.

A dica é investir em coberturas, existem boas opções de toldos em Curitiba que servem como abrigo para os automóveis, fornecendo mais tranquilidade no dia a dia.

2- Cuidado onde estaciona

É importante tomar cuidado com o local que você estaciona nas ruas. Muitas vezes colocamos o carro na primeira vaga que aparece, para poupar tempo, mas não é o ideal.

A atenção deve estar focada em não estacionar por exemplo embaixo de árvores muito grandes, isso porque essas árvores costumam ser abrigo de passarinhos e o cocô de passarinho tem efeito corrosivo na pintura do carro.

Além de se preocupar com as aves, é importante também observar se não há nenhum local onde estão realizando pinturas das paredes, se alguma tinta espirrar no carro vai acabar manchando.

3- Faça a lavagem de forma correta

Se a lavagem for feita com produtos não apropriados para automóveis, pode sim prejudicar a pintura do carro.

O ideal é utilizar produtos com PH neutro, um tipo específico de produtos que não danificam seu carro. Na dúvida, você pode optar pela lavagem profissional, uma forma segura de manter seu veículo limpo e com a pintura protegida.

4- Atenção a maresia

Pessoas que moram em regiões de praias precisam tomar cuidados redobrados em relação à pintura de carro. A maresia em contato com o veículo pode causar corrosão na pintura, além de amassados e arranhões.

Por isso, invista na proteção do veículo.

5- Proteja o carro das temperaturas extremas

Sabemos que o Brasil é um país com climas diversos, podendo proporcionar temperaturas extremamente altas como no caso da região Norte e Nordeste e também temperaturas extremamente baixas como na região Sul.

Essa exposição a graus muito altos ou muito baixos podem danificar a pintura do carro, prejudicando o verniz ou modificando a tonalidade da cor.

Os automóveis mais recentes já são mais resistentes a esse problema, porém vale a pena o cuidado para evitar surpresas desagradáveis.

Existem algumas capas que fazem a função de proteção, ou até mesmo as próprias coberturas já mencionadas anteriormente são uma solução.

De fato, é preciso atenção a vários detalhes que podem interferir na estética do veículo, queremos sempre manter nossos carros os mais preservados e valorizado possível, por isso vale a pena investir nas dicas aqui citadas.

Escrito por

Gracyane Borges

Gracyane mestranda em ciências da linguagem na Universidade Federal do Rio de Janeiro o, formada em Jornalismo torcedora do tricolor.